CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter

Badico mantém mistério e não confirma time que joga o primeiro clássico da carreira do ex-camisa 9

Badico não revelou o time mas se mostrou feliz pela liberação da Baixada. Foto: Diogo Viedo / EsporteSUL

O dia que antecede ao Rio-Nal decisivo, válido pelo primeiro turno da Divisão de Acesso, alimentou o mistério sobre a equipe que entrará em campo a partir das 16 hs desta quarta no Presidente Vargas.

Com o estádio enfim liberado em sua totalidade nesta tarde, o grupo alvirrubro realizou um treino recreativo em campo reduzido e encerrou a preparação para o jogo que pode colocar Inter-SM ou Riograndense muito perto de uma das vagas à fase semi-final do turno.

Antes de apitar o descontraído rachão da tarde vencido por 3 a 2 pelo time de branco, o técnico Badico orientou pela manhã, sem o conhecimento da imprensa, a última atividade técnica/tática visando o confronto diante do Periquito.

Badico não revelou o time mas se mostrou feliz pela liberação da Baixada. Foto: Diogo Viedo / EsporteSUL
Badico não revelou o time mas se mostrou feliz pela liberação da Baixada. Foto: Diogo Viedo / EsporteSUL

Sem Rossi, que sequer treinou, o treinador não revelou a escalação da equipe. O atacante João Leandro, com uma lesão no ombro esquerdo, deve iniciar a partida no banco de reservas, assim como Paulinho, recém-chegado ao clube. Já o volante Natan, mesmo que Badico não confirme, pode ser a surpresa entre os titulares.

Os principais mistérios estão na lateral-direita, onde Carlos Heitor pode aparecer na vaga de Tuchê. Com isso, Natan entra no time à frente da defesa. No ataque, sem poder contar com João Leandro, Josias, que ficou de fora dos dois últimos compromissos, deve ser o escolhido para formar dupla com Marco Antônio.

A provável escalação deve ter: Márcio Kessler, Carlos Heitor (Douglas Tuchê), Betão, Valença e Ito; Natan (Carlos Heitor), Ronaldinho Gramadense, Atieri e Arpini; Marco Antônio e Josias.

O Colorado de Santa Maria ocupa a terceira posição no grupo B, com 10 pontos ganhos. Glória e Brasil-PE soma 12, e um jogo a mais. Se vencer, o time da Baixada chega à liderança e joga pela classificação no sábado, novamente frente ao torcedor, contra o Farroupilha de Pelotas.

- Não tem que ser diferente em função hoje do futebol moderno. Uma das coisas que eu cobro muito da minha equipe  é que sem a bola todo mundo vai ter que marcar. E mais do que nunca nesse jogo vai ser importante a gente tirar os espaços, encurtar o campo, não deixar a equipe do Riograndense jogar que é uma equipe que tem qualidade e se tu deixar eles pensar, ela complica. Tem jogadores com muita qualidade e acima de tudo experientes, que conhecem esse tipo de competição. - pregou o respeitoso Badico quando questionado pela postura que seus comandados deverão adotar no duelo.

Natan (de branco) tem chances de fazer sua estreia no Clássico. Foto: Diogo Viedo / EsporteSUL
Natan (de branco) tem chances de fazer sua estreia no Clássico. Foto: Diogo Viedo / EsporteSUL
Equipe de branco venceu o animado rachão desta tarde. Foto: Diogo Viedo / EsporteSUL
Equipe de branco venceu o animado rachão desta tarde. Foto: Diogo Viedo / EsporteSUL

Por Diogo Viedo, em 30/04/13.

s2Member®