CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter

Santa Maria não terá time na Superliga Feminina de vôlei

Eleita melhor equipe de Santa Maria da temporada  no Prêmio EsporteSUL 2013, a Associação Voleibol Futuro confirmou o que já era uma tendência: não participará da Superliga feminina B por falta de apoio e recursos para bancar o projeto de cerca de R$ 80 mil reais.

Depois de confirmada a inscrição como uma das seis equipes que estrearão a versão feminina da Superliga B, que será disputada entre 24 de janeiro e 8 de março, o Santa Maria Vôlei, - projeto gerido pela AVF e que teria ajuda da CBV nos custos das viagens, precisaria, além de ter um projeto aprovado junto à Secretaria do Esporte e Lazer do estado, – que segundo Jean-Pierre, já teria a garantia do secretário Kalil Sehbe, conseguir o apoio de pelo menos cinco empresas da cidade dispostas a reverter parte dos tributos recolhidos ao Estado para o projeto.

Além disso, por parte da prefeitura municipal, que inclusive foi a responsável pelo pagamento dos 5 mil reais referentes à inscrição do Santa Maria Vôlei, a equipe receberia ajuda com o alojamento para as cerca de 10 atletas de fora, (seriam contratadas mais quatro da cidade), além do transporte aos locais de treinamento e até Porto Alegre, em dias de jogos, apoio que também não foi confirmado.

Nesta sexta-feira (27/12), em reunião entre o coordenador-técnico da AVF, Jean-Pierre Chagas Ávila e membros do Executivo municipal como o chefe de Gabinete Ony Lacerda, o secretário de Relações de Governo e Comunicação, Rogério de Assis Brasil e assessor de imprensa, Luiz Otávio Prates, a decisão foi oficialmente tomada.

- Tentei de tudo, pensei que mais pessoas gostariam de mudar a imagem de Santa Maria para o Brasil em 2014, uma imagem positiva e de futuro através do esporte. - resumiu sua decepção, o técnico Jean-Pierre.

Agora, AVF e prefeitura deverão enviar documento à Confederação Brasileira de Voleibol informando sobre a desistência da participação na competição que terá jogos transmitidos em canal de televisão para todo o país.

Com a saída de Santa Maria do campeonato, a disputa, que seria em sistema de Grand Prix, com seis encontros entre os times dos dois grupos durante a fase classificatória, deverá sofrer alterações.

Sem o AVF/Santa Maria Vôlei, o único time gaúcho, o campeonato terá três representantes de São Paulo, um do Paraná e outro do Distrito Federal: Aceul/Leme, de São Paulo (SP); São José dos Campos, de São José dos Campos (SP); Preve/Concilig/Semel, de Bauru (SP); Cascavel/São José/Caio, de Cascavel (PR); e AABB/DF, de Brasília (DF).

AVF sofreu duro golpe com a falta de apoio. Foto: Eduardo Ramos / EsporteSUL
AVF sofreu duro golpe com a falta de apoio. Foto: Eduardo Ramos / EsporteSUL

Por Diogo Viedo, em 28/12/2013.

s2Member®