Olho No Lance e a vantagem do Riograndense

banner Olho No Lance

Passo importante

Com a vitória de 2 a 1 sobre o Avenida, em Santa Cruz do Sul, o Riograndense deu um passo importante para confirmar a vaga às semifinais do 2º turno da Divisão de Acesso. Porém, tem o jogo de domingo, em casa, às 15h30min, e o Avenida merece respeito. Hora de o torcedor periquito lotar o Estádio dos Eucaliptos e empurrar o Gandense para a classificação. Com humildade e determinação coletiva, o periquito pode ir ainda mais longe na competição.

Dedo do técnico

Sem o lateral Taffarel (lesionado) e o goleador Jajá (suspenso), o Riograndense mostrou a força do grupo. Moisés Baiano e Thiago Maestri entraram no time e corresponderam. O técnico Luciano Corrêa acertou na estratégia de esperar o adversário, marcar forte e explorar o contra-ataque. A equipe santa-mariense também soube suportar a pressão do adversário. Enquanto esteve em campo, o atacante Tiago Duarte incomodou a defesa do Avenida. Fez um golaço e saiu cansado, pois correu muito. Foi a vitória da união.

De saída

O presidente do Inter-SM, Heriberto Marquetto, já disse que não concorre à reeleição. A eliminação do clube na Divisão de Acesso deste ano pesou na decisão do dirigente. Marquetto vai cuidar dos próprios negócios e tocar a vida. Com isso, está aberta a temporada de busca de um nome para presidir o clube alvirrubro em 2015. O assunto promete muitos encontros e reuniões nos próximos meses.

Rapidinhas

Até a derrota por 1 a 0, no domingo, classifica o Riograndense. Graças ao saldo qualificado.

O placar de 2 a 1 para o Avenida leva a decisão da vaga para o pênaltis.

Time de Santa Cruz só classifica no tempo normal se vencer por dois gols de diferença ou um de vantagem a partir de 3 a 2.

Zagueiro Rogério mostrou outra virtude: a de cobrador de falta. Com um chutaço, fez o segundo gol periquito.

Atacante Dinei, do Avenida, parou na defesa periquita e na falta de pontaria. Olho nele.

A eficiência do zagueiro David, do lateral Juca e dos volantes Gudi e Geison chama a atenção.

Meias Cleberson e Chiquinho ganham entrosamento e dão qualidade ao meio-campo.

Goleiro Romário, 20 anos, com a lesão de Júlio César, assumiu a titularidade e segue em alta. O preparador Beto Borbolha também é peça importante.

Quem entrou durante o jogo, casos de André Tereza, Giovani e Valença, igualmente, deu a parcela de contribuição.

Preparador físico do Riograndense, Marcel Almeida, merece elogios pelo trabalho. O time é quase incansável em campo.

Auxiliar-técnico Feliciano Corrêa, fisioterapeuta Marcelo Callegaro, médico Marcio Rubin e mordomo Geovane Ortiz fazem trabalho eficiente nos bastidores.

Quando um time ganha, todos ganham. Quando perde, a derrota é também coletiva. Para alguns brilharem, outros precisam carregar o piano. Todos têm importância. É o futebol.

Parabéns à direção, comissão técnica, jogadores, colaboradores e apoiadores do Riograndense Futebol Clube pelos 102 anos completados no dia 7 de maio.

Desta vez, o árbitro Luís Teixeira Rocha teve uma atuação firme na Divisão de Acesso.

Imprensa de Santa Cruz reclama de impedimento de Thiago Maestri na origem do primeiro gol do Gandense.

Volante Carlos Alberto, autor do gol e capitão do Avenida, foi expulso e não joga em Santa Maria.

Em três confrontos contra a dupla Rio-Nal, no atual campeonato, o Avenida perdeu a primeira para um representante do Coração do Rio Grande.

Santo Ângelo ganhou do Cerâmica por 2 a 1 e joga pelo empate em Gravataí. Porém, aposto no Cerâmica.

Em casa, Brasil-Far fez 4 a 2 no Tupy e acumulou boa vantagem para o jogo de volta em Crissiumal. Time de Jair Galvão vai precisar de muita superação para obter a vaga.

O 1 a 1 com o Ypiranga, em Erechim, deixou o União Frederiquense a um empate sem gols, em casa, para garantir a classificação. É o duelo mais equilibrado.

Atacante Fabio Alemão, ex-Inter-SM, é reforço do Guarani-VA na Terceirona, assim como o zagueiro Márcio Nunes, ex-Panambi e Riograndense.

Promoção merecida do árbitro santa-mariense Anderson Daronco, 33 anos, ao quadro de aspirantes da Fifa. Ele é o segundo no quadro da FGF.

A 4ª edição do Varal da Solidariedade foi um sucesso. Houve distribuição de agasalhos, cobertores e mantas a cerca de 200 pessoas carentes.

Promoção do Departamento Social do Inter-SM ocorreu no Estádio Presidente Vargas. De parabéns o odontólogo Odilon Mainardi e a equipe de trabalho pela iniciativa.

A frase – “O Periquito santa-cruzense vai precisar suar sangue no domingo para avançar às semis” (Portal Gaz, de Santa Cruz do Sul).

Som da coluna – Homenagem a Jair Rodrigues, que morreu no dia 8 de maio, com Adeus tristeza. Clique aqui e ouça a canção.

gilson piberGilson Piber é jornalista concursado da UFSM, radialista e professor do curso de Jornalismo da Unifra. Comentarista esportivo da Rádio Guarathan e doutorando em Ciências da Comunicação pela Unisinos/RS.

Notícias Relacionadas