CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter

Bárbara Marques e Gisele Ribeiro fazem a única luta feminina de Muay Thai Profissional no IV Combat

Evento que já vem caracterizando o final de ano de lutas em Santa Maria, o IV Combat Guerreiros Thai pretende mexer com as emoções dos adeptos às artes marciais. A competição que acontecerá no dia 12 de dezembro no Centro Desportivo Municipal (CDM) trará entre suas 13 lutas, três femininas. Entre as mulheres, a luta mais esperada da noite será de muay thai profissional, entre Bárbara Marques, da AGT/Santa Maria e Gisele Ribeiro, da Muay Thai Combat, de Pelotas, válida pela categoria até 63kg.

Sendo uma das representantes femininas da equipe da AGT no IV Combat, Barbara Marques, 22 anos, pratica muay thai há três anos e meio e se inseriu nas competições há três anos. Uma das grandes atrações da noite, Barbara começou a prática da arte tailandesa devido a outras questões, mas a possibilidade de competir fez com que a atleta se envolvesse ainda mais com a luta.

Mesmo com pouca idade, a atleta já traz consigo as conquistas de campeã mineira e interestadual, além de campeã brasileira pela BMTA. No período que antecede ao evento, a lutadora se diz preparada fisicamente devido a seus fortes treinamentos e cuidados com a alimentação.

- Minha expectativa para o Combat é que seja um grande evento. Que todas as pessoas que forem assistir saiam satisfeitas com os grandes combates da noite. Em relação a minha luta, claro que a vitória é sempre bem-vinda, mas quero principalmente proporcionar ao público uma grande luta. Estou sempre preparada para lutar e tenho certeza que a Gisele também vai estar – observou Bárbara sobre o evento e sua luta contra Gisele.

Bárbara Marques fará parte de uma das principais lutas da noite. (Foto: Nas Grades)
Bárbara Marques fará parte de uma das principais lutas da noite. (Foto: Nas Grades)

A missão de enfrentar a atleta santa-mariense será para a pelotense de 20 anos, Gisele Ribeiro. Praticante de muay thai há cinco anos, a atleta se inseriu nas artes marciais por gostar das práticas esportivas. Seu irmão lhe apresentou o muay thai e com o apoio da equipe Muay Thai Combat, a lutadora foi inserida no mundo das lutas. Além da arte tailandesa, Gisele pratica boxe e MMA.

A atleta que participa de competições há três anos, tem em seu cartel um total de 21 lutas, com 16 vitórias e 5 derrotas. Na sua trajetória no muay thai, destaca-se os títulos de campeã brasileira (2012 e 2014), campeã sul-americana e tetracampeã gaúcha. Além disso, a atleta figurou entre os primeiros colocados nas edições de 2013 e 2015 do Campeonato Brasileiro com a segunda e terceira colocação, respectivamente. Com todo este histórico, Gisele treina forte para sua estreia no Combat.

- Acredito que será um grande evento e que todos atletas darão um show. Minha expectativa para a luta é das melhores. Estou treinando forte, conheço o jogo da Bárbara e tenho certeza que tanto da minha parte quanto da dela vai ser um show. A luta está programada para cinco rounds, mas estou treinando para acabar essa luta antes - falou Gisele sobre suas expectativas sobre o evento e da luta contra Bárbara.

O IV Combat Guerreiros Thai será no dia 12 de dezembro, às 20h. Os ingressos limitados já estão à venda. Arquibancada ( lote 1 – R$ 15,00) Vip (lote 1 – R$ 30,00).

Com um cartel com mais de vinte lutas, Gisele tentará mais uma conquista para sua carreira. (Foto: Arquivo Pessoal)
Com um cartel com mais de vinte lutas, Gisele tentará mais uma conquista para sua carreira. (Foto: Arquivo Pessoal)

Por Felipe Tubino, em 03/12/2015.

s2Member®