CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter

Ao lado do técnico Valdir Espinosa, sepeense Gustavo Pires é apresentado como novo preparador físico do Metropolitano

O preparador físico Gustavo Pires, natural de São Sepé e que iniciou a sua carreira no Coração do Rio Grande, está de casa nova. E é na primeira divisão do futebol de Santa Catarina. Nesta terça-feira, dia 8, Gustavo Pires foi apresentado como o novo responsável pela preparação física do Clube Atlético Metropolitano, de Blumenau, e que integra a elite estadual catarinense. No Verdão do Vale, o sepeense trabalhará ao lado do técnico multicampeão Valdir Espinosa, também apresentado oficialmente em cerimônia na última terça-feira.

- Como todo o novo trabalho é um novo desafio. O Metropolitano é um clube novo também, mas com uma certa história já, inclusive com participação em Série D do Brasileirão. Mas o principal é a possibilidade de disputar uma primeira divisão com cinco clubes que disputam a Série A e B do Campeonato Brasileiro. As projeções são as melhores possíveis, é notório que temos uma diretoria com muita vontade de vencer, o que também nos ajuda para que possamos trabalhar da melhor forma possível. É claro que preciso levar em consideração também a vitrine que o campeonato da primeira divisão de Santa Catarina irá proporcionar. - Declara Gustavo Pires.

Gustavo Pires 1
Gustavo Pires é o novo preparador físico do Metropolitano. (Foto: Sidnei Batista/Metropolitano)

Formado em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Gustavo Pires, o Guto, começou a sua trajetória na preparação física ainda como estagiário no Riograndense. Mais tarde, também no clube esmeraldino, o sepeense ocupou o cargo de auxiliar da preparação física e em diversos momentos também foi o principal responsável pelo trabalho físico com os jogadores esmeraldinos. No total, foram quase quatro temporadas no clube do Estádio dos Eucaliptos.

Já no início de 2014, Guto assumiu o cargo de preparador físico do Três Passos Atlético Clube, de Três Passos, onde trabalhou na terceira divisão do Campeonato Gaúcho.

Em 2015 o profissional se transferiu para o futebol de Santa Catarina, onde em um ano passou da terceira para a primeira divisão. Ao lado de jogadores com passagens pela dupla Rio-Nal e de Círio Quadros, técnico que trabalhou no Riograndense entre 2012 e 2013, Gustavo Pires foi campeão invicto da Série C com o Barra Futebol Clube, de Balneário Camboriú. O trabalho sério e competente desenvolvido no Barra despertou o interesse do Metropolitano, clube que o procurou nos últimos dias e acertou a sua contratação para 2016.

Guto Valdir Espinosa
Guto (ao fundo) e Valdir Espinosa na cerimônia de apresentação realizada nesta terça-feira. (Foto: Sidnei Batista/Metropolitano)

Com 27 anos, Guto também comentou sobre o fato de trabalhar ao lado do técnico Valdir Espinosa, de 68 anos, e um dos treinadores mais vitoriosos do Brasil. Campeão da Libertadores e Mundial com o Grêmio em 1983, Valdir Espinosa também já dirigiu equipes como Vasco da Gama, Flamengo, Fluminense, Botafogo, Atlético-MG, Palmeiras, Corinthians, Coritiba, Vitória, Al-Hilal (Arábia Saudita), Cerro Porteño (Paraguai) e Tokyo Verdy (Japão).

- Será uma honra trabalhar ao lado de Valdir Espinosa. É um técnico que tem muita história no futebol e tenho muito a aprender com ele.

Por Bruno Tech, em 09/12/2015

s2Member®