A força da Baixada: Inter-SM tem a segunda melhor campanha em casa na Divisão de Acesso

Alvirrubro ainda não foi derrotado em seus domínios em 2017. Foto: Bruno Tech/EsporteSUL

Se a questão é fazer o dever de casa para garantir uma vaga para a semifinal da Divisão de Acesso, os torcedores do Inter-SM podem ficar confiantes. O Inter-SM foi uma das equipes que mais soube se fazer valer deste fator do fator local na competição: dos 23 pontos conquistados na primeira fase, 17 vieram sob seus domínios, totalizando 80,9% de aproveitamento no Estádio Presidente Vargas.

Das oito equipes ainda remanescentes na competição (e desconsiderando os jogos de ida das quartas de final), o alvirrubro santa-mariense possui a segunda melhor campanha em casa no torneio, atrás apenas do Lajeadense. Considerando apenas as equipes do Grupo A, é a melhor campanha juntamente com o Pelotas, vencendo no saldo de gols.

O grande problema, porém, são os placares. Jogando em um grupo extremamente equilibrado, em apenas um dos sete jogos disputados o resultado lhe garantiria a classificação para as semifinais (ida: Glória 1x0 Inter-SM). Em outros dois cenários, a decisão iria para os pênaltis e nas demais quatro o clube seria eliminado (duas pelo saldo qualificado e duas pelo somatório de pontos). Para garantir a classificação no tempo regulamentar, é necessário que o alvirrubro vença por dois ou mais gols de diferença. Triunfo por placar mínimo leva a decisão para os pênaltis; outras vitórias por um gol de diferença, empate ou derrota eliminam a equipe da Divisão de Acesso.

O vencedor deste confronto pega o ganhador da série entre São Luiz e Aimoré. O primeiro jogo, disputado em São Leopoldo, terminou em 0 a 0. Caso o Inter-SM passe pelo Glória:

  • Faz a primeira em casa e decide o acesso fora caso o vencedor seja o São Luiz;
  • Faz a primeira fora de casa e decide na Baixada o acesso caso o Aimoré passe.

Adendo: Nas semifinais, decide em casa o time que tiver mais pontos no somatório das pontuações da fase classificatória + quartas de final. Por isso, o Glória, mesmo tendo terminado em terceiro em terceiro no Grupo B, pode decidir em casa contra o São Luiz, líder do mesmo grupo, caso vença novamente o Inter-SM e o clube de Ijuí passe somente nos pênaltis pelo Aimoré. O mesmo caso não se aplica para o alvirrubro, que não tem como ultrapassar em pontos o São Luiz no somatório total.

Alvirrubro ainda não foi derrotado em seus domínios em 2017. Foto: Bruno Tech/EsporteSUL
Alvirrubro ainda não foi derrotado em seus domínios em 2017. Foto: Bruno Tech/EsporteSUL

Inter-SM - Números dentro de casa na Divisão de Acesso:

12/03: Inter-SM 2x1 Guarany-BA
19/03: Inter-SM 3x0 São Gabriel
26/03: Inter-SM 0x0 Avenida
09/04: Inter-SM 1x0 Pelotas
19/04: Inter-SM 1x0 Guarany-VA
27/04: Inter-SM 3x2 Santa Cruz
06/05: Inter-SM 0x0 Aimoré

Retrospecto total: 17 pontos de 21 possíveis (80,9% de aproveitamento) - 5 vitórias e 2 empates. 10 gols anotados, 3 gols sofridos

Retrospecto em casa dos times que estão nas quartas de final da Divisão de Acesso (jogos de ida das quartas não foram considerados na estatística):

Como mostrado anteriormente, o Inter-SM possui a segunda melhor campanha em casa da Divisão de Acesso e é um dos cinco times que ainda não perderam como mandantes. Todos os classificados tem aproveitamento superior a 50% em casa. Dados curiosos são os do São Luiz - que teve a melhor campanha da primeira fase, mas teve apenas a sétima campanha em casa - e do Aimoré, que empatou cinco dos sete jogos jogando em São Leopoldo.

  1. Lajeadense: 19 pontos (90,4% de aproveitamento) - 6 vitórias e 1 empate. 20 gols anotados, 5 gols sofridos;
  2. Inter-SM: 17 pontos (80,9% de aproveitamento) - 5 vitórias e 2 empates. 10 gols anotados, 3 gols sofridos
  3. Pelotas: 17 pontos (80,9% de aproveitamento) - 5 vitórias e 2 empates. 11 gols anotados, 5 gols sofridos
  4. Avenida: 16 pontos (76,1% de aproveitamento) - 5 vitórias, 1 empate e 1 derrota. 17 gols anotados, 4 gols sofridos
  5. Glória: 16 pontos (76,1% de aproveitamento) - 5 vitórias, 1 empate e 1 derrota. 9 gols anotados, 4 gols sofridos
  6. Esportivo: 14 pontos (66,6% de aproveitamento) - 4 vitórias, 2 empates e 1 derrota. 12 gols anotados, 4 gols sofridos
  7. São Luiz: 13 pontos (61,9% de aproveitamento) - 3 vitórias e 4 empates. 8 gols anotados, 4 gols sofridos
  8. Aimoré: 11 pontos (52,3% de aproveitamento) - 2 vitórias e 5 empates. 11 gols anotados, 6 gols sofridos

Porcentagem de pontos conquistados em casa no retrospecto total:

Para cada equipe, o retrospecto em casa teve determinado peso para garantir a classificação. Alguns times foram bem caseiros: o Lajeadense fez 79,1% dos seus 24 pontos na fase classificatória jogando em casa. Nesta estatística, o Inter-SM ficou em terceiro. Dos classificados, apenas o São Luiz fez mais pontos fora do que em casa, tendo a melhor campanha da Divisão de Acesso fora de seus domínios e mostrando que consegue se impor independente do local da partida.

  1. Lajeadense (19 de 24 pontos conquistados) - 79,1%
  2. Pelotas (17 de 22 pontos conquistados) - 77,2%
  3. Inter-SM (17 de 23 pontos conquistados) - 73,9%
  4. Glória (16 de 24 pontos conquistados) - 66,6%
  5. Esportivo (14 de 22 pontos conquistados) - 63,6%
  6. Avenida (16 de 26 pontos conquistados) - 61,5%
  7. Aimoré (11 de 19 pontos conquistados) - 57,8%
  8. São Luiz (13 de 27 pontos conquistados) - 48,1%

É deste fator local que o Inter-SM tentará se fazer valer para garantir uma vaga nas semifinais da Divisão de Acesso neste domingo (21), às 16h, no Estádio Presidente Vargas.

Expectativa é de lotação total para o confronto decisivo contra o Glória. Foto: Bruno Tech/EsporteSUL
Expectativa é de lotação total para o confronto decisivo contra o Glória. Foto: Bruno Tech/EsporteSUL

Por Felipe Michalski, em 16/05/2017

s2Member®

CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter