Debaixo de chuva, Soldiers passeia sobre Gorillas e garante melhor campanha

Pela primeira vez atuando no Estádio dos Eucaliptos na sua história, o Santa Maria Soldiers recebeu o Porto Alegre Gorillas na tarde deste sábado (20) pela última rodada da primeira fase do Campeonato Gaúcho de Futebol Americano. Com um time qualitativamente muito superior, o conjunto santa-mariense passeou sem muitas dificuldades e garantiu mais uma fácil vitória por 64 a 0 diante de pouco mais de 100 torcedores.

Com cinco vitórias em cinco jogos, 331 pontos anotados e apenas 12 sofridos, o exército verde e preto garantiu a melhor campanha da primeira fase e já está garantido matematicamente nas semifinais. Nela, enfrentará em casa o time de pior campanha que vencer o Wild Card. Caso chegue à decisão, jogará pelo tetracampeonato estadual em Santa Maria.

Domínio santa-mariense se fez presente mais uma vez. Foto: Felipe Michalski/EsporteSUL

Domínio santa-mariense se fez presente mais uma vez. Foto: Felipe Michalski/EsporteSUL

O jogo

A última partida do Soldiers na primeira fase foi marcada pela chuva que atingiu a cidade de Santa Maria neste sábado. Devido a isso, havia imensas poças d’água no gramado e a partida ficou difícil de ser praticada. Além disso, o jogo teve que ser iniciado 15 minutos antes do previsto devido às condições climáticas.

O plano de jogo das equipes teve que ser mudado à força: na etapa inicial, nenhum passe foi completado e o jogo se baseou praticamente apenas em corridas e, com temor de mandar as bolas para as casas da vizinhança, não houve tentativas de Field Goal. Com muito mais qualidade física e técnica, o jogo obrigatoriamente unidimensional para as duas equipes ajudou o Soldiers. Logo na primeira jogada ofensiva, o Gorillas sofreu fumble, recuperado pelo Soldiers por Vinícius Zanon. Poucas jogadas depois, Guilherme Busanello anotou touchdown terrestre de 8 jardas. A conversão de 2 pontos não foi bem-sucedida: Soldiers 6-0 Gorillas.

A campanha seguinte do time porto-alegrense novamente não lograria sucesso e a bola voltaria para o Soldiers. Com a posse, o time não avançou. Porém, na tentativa de punt, a bola bateu nos pés do retornador, tornando a bola viva – sendo recuperada pelos santa-marienses na ocasião. Perto da endzone, novamente Busanello anotou touchdown, desta vez em corrida de 2 jardas. Ele mesmo converteu os 2 pontos, colocando o placar em 14 a 0.

De novo com a bola, o ataque do Gorillas novamente acabou se atrapalhando e, mesmo sem a defesa santa-mariense forçar, sofreu fumble e perdeu a bola para o Soldiers outra vez. João Siqueira aproveitou e anotou o terceiro touchdown do jogo, com conversão de 2 pontos mal-sucedida: Soldiers 20-0 Gorillas, placar do fim do primeiro quarto.

No segundo quarto, o time voltou a ampliar. Em apenas uma jogada, o Soldiers novamente pontuou em corrida de Clinton Greenaway III, após jogada em reversão pelo campo. Busanello anotou os 2 pontos, botando 28 a 0.

O time do Gorillas tentava reagir, mas somente se utilizava de corridas e de maneira totalmente inócua, já que a defesa santa-mariense estava preparada para esse tipo de jogada. De volta com a bola, o Soldiers anotaria mais uma vez: em corrida de 8 jardas, João Siqueira anotava seu segundo touchdown na partida. A conversão de 2 pontos não foi boa: Soldiers 34-0 Gorillas. E ampliaria mais uma vez pouco depois: após 3 jogadas e punt, Clinton Greenaway III anotaria o touchdown mais lindo do jogo ao retornar por 90 jardas o punt porto-alegrense para a endzone. Novamente, os dois pontos não foram convertidos: 40-0.

Desesperado – embora praticamente resignado com a inevitável derrota – o Gorillas ainda tentou lançar. E quando o fez, foi um desastre. Antônio Freire mandou um passe alto e sem direção, que acabou sendo interceptado por Carlesso. O touchdown viria na jogada seguinte: Nathan Dias anotaria touchdown terrestre de 37 jardas após inverter a corrida original e enganar toda a defesa adversária. Busanello converteu os 2 pontos: Soldiers 48-0 Gorillas, placar do intervalo de partida.

Com o jogo já ganho, tanto Soldiers quanto Gorillas começaram a testar reservas, o que diminuiu o ritmo da partida e a deixou com menor qualidade. Antônio Freire acabou sendo interceptado mais uma vez pelo lado do Gorillas mas, em compensação, Douglas Rodrigues acabou tendo um passe para o running back também interceptado por Henrique Altieri – que por muito pouco não foi retornada para touchdown. Após faltas, o time porto-alegrense não conseguiu avançar e se viu obrigado a devolver a bola.

O Soldiers só voltaria a desencantar no último período. Depois de sucessivas corridas com o fullback Márlon Limana, ele mesmo chegou à endzone em corrida de 5 jardas. E ele mesmo converteu os 2 pontos, colocando a partida em 56 a 0. O último ato nos Eucaliptos também foi santa-mariense: João Siqueira retornou punt por 35 jardas para anotar seu terceiro touchdown no jogo. Os dois pontos foram convertidos por Gonzalo, dando números finais à partida: Soldiers 64-0 Gorillas.

Chuva e poças no gramado se fizeram extremamente presentes no Estádio dos Eucaliptos. Foto: Felipe Michalski/EsporteSUL

Chuva e poças no gramado se fizeram extremamente presentes no Estádio dos Eucaliptos. Foto: Felipe Michalski/EsporteSUL

Por Felipe Michalski, em 20/05/2017

Notícias Relacionadas