Periquito elege o seu patrono para a temporada 2018

Passando por um momento delicado em sua história, por uma profunda reestruturação do Estádio dos Eucaliptos e com o departamento de futebol inativo até 2019, o Riograndense nomeou na tarde desta quarta-feira, dia 10, o seu novo patrono para a temporada 2018. Trata-se de mais um dos abnegados do clube e que tem um papel fundamental na atual reforma e liberação da casa esmeraldino: o conselheiro Arizoli Vaz dos Santos.

Aos 74 anos de idade, sendo 54 deles dedicados ao Riograndense, o novo patrono do Periquito atuou por último como diretor de patrimônio até a temporada 2017. Porém já trabalhou também em praticamente todas as pastas da diretoria executiva, já que foi secretário geral, diretor de finanças, diretor e gerente de futebol e integrante do conselho fiscal. Participaram do encontro no Estádio dos Eucaliptos que elegeu Arizoli Vaz o novo patrono os conselheiros Dilson Siqueira, Clóvis Franciscato, Evandro Zamberlan, todos ex-patronos, e o patrono benemérito Claudio Zappe.

– Temos outros conselheiros que também mereceriam, pelo trabalho que já prestaram ao clube, mas já que recaiu sobre nós a bondade dos eleitores, teremos que responder da melhor maneira possível. Avante Periquito! – afirmou Arizoli Vaz.

Arizoli Vaz é um dos principais nomes por trás dos trabalho de liberação dos Eucaliptos. (Foto: Bruno Tech/EsporteSUL)

Vale lembrar que desde 2010, ano em que o cargo rotativo foi instituído por Cláudio Zappe, um novo patrono é aclamado a cada temporada. Já receberam tal honraria João Alberto Peripolli, em 2010, Norma Rolim, em 2011, Evandro Zamberlan, no ano do centenário esmeraldino em 2012, Vilmar Pisani, em 2013, Dilson Siqueira, em 2014, Clóvis Franciscato, em 2015, Marcio Rubin em 2016, e João Provensi, em 2017.

Notícias Relacionadas