Irmãos Murillo vão atrás de um lugar na seleção brasileira de taekwondo

O 2018 irá começar oficialmente para os irmãos Matheus e Gabriel Murillo, atualmente os dois principais representantes do taekwondo santa-mariense. E como primeiro compromisso da temporada está também uma das principais disputas do calendário brasileiro e que definirá o restante do ano para os dois lutadores.

No Rio de Janeiro, entre os dias 23 e 25, a dupla da Murillo Team entra em ação pelo Grand Slam 2018, onde estarão os melhores atletas de taekwondo do país atrás de um lugar na seleção brasileira de 2018.

O fato curioso é que os irmãos faixas preta irão competir na mesma categoria, na Juvenil até 63kg. Ou seja, além de brigarem por uma das três vagas na mesma classe para o selecionado nacional, Matheus e Gabriel podem inclusive se enfrentar nos tatames cariocas. Até o momento os irmãos mediram forças um contra o outro em competições oficiais apenas uma vez, em 2015, pelo Porto Open, quando Matheus levou a melhor.

Matheus e Gabriel Murillo abrem a temporada 2018 logo com o Grand Slam Nacional. (Foto: Arquivo Pessoal)

E para colocar mais uma vez o nome de Santa Maria entre a seleção brasileiro de taekwondo Matheus e Gabriel não mediram esforças e realizaram uma pré-temporada intensa. Sem férias após as competições de 2017, os lutadores mantiveram uma rotina de treinos diários com o restante da equipe Murillo Team, acompanhamento psicológico e fisioterápico e também participaram de treinamentos com o técnico da seleção olímpica iraniana, Bijan Moghanlou, na cidade de Caxias do Sul, e com o treinador uruguaio Diego Gallo, da renomada Unión Olympic Dream.

Momentos antes do embarque para a Cidade Maravilha, Matheus e Gabriel comentaram sobre suas preparações e claro, sobre a possibilidade de se enfrentarem no Grand Slam.

–  A preparação foi forte, como sempre. Tivemos pouco tempo de férias, esse ano foi mais puxado. Foco está mais forte, tivemos dois camps muitos importantes no começo do ano com o Bijan e em Pelotas. Com um pessoal bom, da categoria, pessoal bastante preparado. Tem a probabilidade de enfrentar o Gabriel, não é a primeira vez, mas acontece. Vamos torcer para chegar em um final juntos eu e ele. – diz Matheus Murillo.

– Estamos treinando muito forte mesmo. Ficamos três dias treinando com o Bijan, em Caxias, e o camp em Pelotas, que também nos ajudou bastante. Últimos dias é só foco para perder as últimas gramas de peso. – afirma Gabriel Murillo.

Notícias Relacionadas