Padel santa-mariense se aproxima da criação de uma associação

Liderados pela equipe 0-40, Santa Maria está perto de contar com mais uma associação esportiva, que representará uma das modalidades que mais vem crescendo no cenário gaúcho e que, em Santa Maria conta com mais de 300 praticantes assíduos. Com o objetivo de fortalecer o padel santa-mariense, a Associação 0-40 de Padel caminha para formalizar a entidade que espera contribuir com os atletas locais que despontam em competições de nível nacional e internacional com as raquetes.

– O objetivo, não tem outro, é organizar a ssociação para o esporte para poder pleitear recursos públicos para fazer projetos. Trazer eventos a nível nacional para Santa Maria, que sempre foi um polo do padel no Rio Grande do Sul. Hoje os estados do sul são os principais do Brasil e hoje têm campeonatos brasileiros, estaduais, sul-americanos e a gente só vai, só participa, mas nunca traz para Santa Maria. Então o ojetivo é esse: agregar, organizar e envolver vários grupos de padel da cidade. – revela Juba, que garante reunir os praticantes dos dois principais redutos do padel santa-marienses Confraria del Padel e Centro Desportivo Pigatto. – aponta o autor do estatuto, advogado e vereador Juliano Soares (PSDB), o Juba.

Depois da apresentação do documento na primeira reunião do grupo realizada na última segunda-feira (19/03), segundo Lucas Souza, um dos idealizadores da associação e responsável pelo Circuito Fronteirão de Padel, que reúne centenas de duplas de todo o estado, no próximo encontro, previsto para o dia 26/03, estarão em pauta os trâmites para a inscrição da associação no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), procedimento que formalizará a criação da 0-40, e a definição dos nomes e cargos da diretoria da entidade que já conta com a adesão de mais de 20 membros e deverá ter Lisandro Dotto como indicado para ocupar o cargo de presidente.

Considerada uma das capitais gaúchas do padel, Santa Maria trouxe dois títulos e um vice do último Sul Americano de Padel amador, realizado em dezembro, em Bento Gonçalves. Na categoria 35 Anos, Carlos Souza “Negrão” sagrou-se campeão ao lado do alegretense Patrick Leaes, enquanto que na 5ª Classe Masculina, o título ficou com o dupla Victor “Chuco” Messina e Lucas Gomes. Já a dupla Mauren Freitas e Karinna Filippi, sagraram-se vice-campeãs na 6ª Classe Feminina. Os resultados ajudaram a Seleção Brasileira garantir o primeiro lugar nas categorias livre e o vice na classificação geral.

Santa Maria é considerada uma das capitais gaúchas do padel. Foto: Bruno Tech/EsporteSUL

Notícias Relacionadas