Em busca do hexa: conheça os adversários do Brasil na Copa do Mundo

Com a proximidade dos jogos da Copa do Mundo da Rússia, a expectativa vem crescendo a cada dia. A última vez que a nossa seleção conquistou o título foi em 2002. Daquele elenco, apenas um jogador pentacampeão está na ativa no futebol. Com uma nova geração de jogadores representando o futebol do país, a busca pelo título de hexa no mundial  trará muitas emoções.

Será que o Brasil tem boas chances desta vez? Isso é o que muitos torcedores estão se perguntando. Conhecer as seleções adversárias e estar atento aos números dos jogos, pode ser um bom ponto de partida para responder a esta questão. A partida de estreia da seleção brasileira será contra a Suíça no dia 17/06. Este será o primeiro confronto do Grupo E, que conta também com as seleções da Sérvia e Costa Rica.

Brasil foi convocado nesta segunda para a Copa da Rússia. Foto: Divulgação

Suíça

A Suíça fará sua 11º participação em Copas do Mundo após ter sido uma das 14 seleções europeias classificadas para este torneio. Durante sua jornada para a conquista de uma vaga, mostrou um ótimo desempenho, foram 9 vitórias. Sua única derrota foi contra a seleção de Portugal, que, apesar de ter o mesmo número de pontos que a Suíça, ficou em 1º lugar no grupo B das eliminatórias, devido ao maior saldo de gols.

A Suíça conquistou a tão sonhada vaga ao superar a Irlanda do Norte na fase de repescagem. Mais uma vez, demonstrou a solidez e constância no sistema defensivo, tendo empatado o primeiro jogo em 0x0 e no próximo obteve a vitória com um único gol.

O que se pode esperar desta equipe é uma boa organização no setor defensivo. Por esta razão, a seleção brasileira terá de trabalhar bastante a movimentação e as jogadas entrelinhas. É necessária muita paciência para superar a inteligência tática desta equipe. O confronto será sediado em Rostov, a maior cidade da parte sul da Rússia.

No jogo de estreia, o Brasil é apontado como favorito pelas casas de apostas que pagam até 118% do valor apostado se a seleção brasileira for capaz de superar os suíços por uma vantagem igual ou superior a 2 gols. Mas antes de fazer uma fezinha certifique-se de encontrar um site confiável de apostas de futebol.

Costa Rica

A Costa Rica espera repetir a ótima campanha realizada na Copa do Mundo de 2014. Na fase inicial classificou-se, invicta, em 1º lugar do grupo E – composto por Costa Rica, Itália, Uruguai e Inglaterra- com duas vitórias e um empate. Foi eliminada nas quartas de final pela Holanda nos pênaltis. Esta grande campanha mostrou que  a Costa Rica tem condições de jogar de igual para igual contra outras seleções em Copas do Mundo.

Nas eliminatórias da CONCACAF, os costarriquenhos tiveram um ótimo desempenho na primeira fase, com 5 vitórias e 1 empate. Já no hexagonal final, terminaram apenas na 3 colocação, tendo registrado 3 vitórias, 4 empates e 3 derrotas.

O último confronto entre Brasil e Costa Rica foi ocorreu no amistoso em 2015. A seleção brasileira, ainda sob o comando de Dunga, triunfou com o placar de 1×0.

Sérvia

O terceiro desafio do Brasil será em Moscou. A Sérvia conseguiu a classificação liderando o grupo D das eliminatórias da Europa para a Copa. O aproveitamento de 70% dos pontos possíveis foi suficiente para garantir a vaga na Copa em um grupo com seleções de nível não muito alto, porém bastante equilibrado.

Em janeiro de 2018, o ex-zagueiro Mladen Krstajic, que esteve em campo na Copa de 2006 representando a seleção de Sérvia e Montenegro, assumiu o posto de treinador da seleção e já trouxe novidades nas escalações para amistosos desde que se colocou no cargo.

Brasil e Sérvia já se enfrentaram. O embate foi no estádio do Morumbi, um jogo de preparação da seleção brasileira para a Copa de 2014. Os sérvios foram derrotados por 1 gol de diferença.

Notícias Relacionadas