CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter

Árbitro santa-mariense Anderson Daronco faz de 2018 o seu ano de afirmação no cenário internacional

Árbitro número um do Rio Grande do Sul e um dos principais do quadro nacional da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o santa-mariense Anderson Daronco está marcando o 2018 com voos maiores em sua carreira. No sentido figurado e literal.

Desde 2014 ostentando também o escudo de árbitro FIFA, o juiz de 37 anos e que nas últimas três temporadas consecutivas foi o recordista em escalas no Campeonato Brasileiro faz em 2018  sua afirmação internacional em partidas da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol).

[vc_row][vc_column][mk_image src="http://esportesul.com/wp-content/uploads/2018/09/anderson-daronco.jpg" image_size="full" desc="Anderson Daronco em meio a partida entre Racing e River Plate, pelas oitavas de final da Copa Libertadores. (Foto: Marcelo Endelli/Getty Images)"][/vc_column][/vc_row]

Em 2017 o filho ilustre do Coração do Rio Grande foi nomeado para comandar sete jogos na Copa Sul-Americana e dois na Copa Libertadores da América. Já pelas Eliminatórias da Copa do Mundo Daronco apitou Venezuela e Uruguai e a decisão entre Argentina e Equador, que carimbou a classificação da albiceleste para a Rússia. Além disso o árbitro também participou do Campeonato Sul-Americano Sub-20, no Equador.

Números expressivos que seguiram neste 2018. Até o momento na temporada Anderson Daronco apitou seis jogos pela Copa Libertadores, incluindo o jogo de ida das oitavas de final entre Racing e River Plate, no estádio El Cilindro de Avellaneda, e duas partidas pela Copa Sul-Americana.

Confirmando tal crescente prestígio, o árbitro foi escalado oficialmente neste última quarta-feira (26/09) para outro clássico argentino, desta vez válido pela partida de volta das quartas de final da Libertadores entre River Plate e Independiente, na próxima terça-feira (02/09), no Monumental de Núñez.

- Estou feliz por estar recebendo oportunidades. Como sempre procurando fazer o melhor possível nos jogos dentro da minha capacidade para cada vez mais conquistar e manter espaço no cenário internacional. - comentou Anderson Daronco.

Completando suas escalas em 2018, Daronco ainda contabiliza doze jogos pela Série A do Campeonato Brasileiro, dez pelo Gauchão (sendo um Gre-Nal), dois pela Copa do Brasil e mais quatro embates entre Série B, Série C e Série D.

[mk_custom_box bg_color="#eded4b" bg_position="left top" bg_repeat="repeat" bg_stretch="false" padding_vertical="30" padding_horizental="20" margin_bottom="10" min_height="100"]

Confira os números internacionais do árbitro santa-mariense Anderson Daronco na temporada 2018:

COPA LIBERTADORES DA AMÉRICA
Fase 1º Eliminatória - Montevideo Wanderers  0 x 0 Olimpia
Fase 2º Eliminatória - Indep. Santa Fe 0 x 0 Dep. Tachira
Fase de grupos - The Strongest 1 x 0 Peñarol
Fase de grupos - Peñarol 2 x 0 Libertad
Fase de grupos - Vasco da Gama 0 x 4 Cruzeiro
Oitavas de final - Racing 0 x 0 River Plate

COPA SUL-AMERICANA
Fase 1ª Eliminatória - Sport. Cristal 2 x 1 Lanús
Fase 2ª Eliminatória - Club Sol de América 0 x 0 Nacional

Cartões amarelos: 32 (25 na Copa Libertadores e 7 na Copa Sul-Americana)
Expulsões por dois cartões amarelo: 2 (2 na Copa Libertadores)
Cartões vermelhos: 0
Pênaltis assinalados: 2 (1 na Copa Libertadores e 1 na Copa Sul-Americana)[/mk_custom_box]

s2Member®