Brasil vence Arábia Saudita em amistoso em Riad

Com a volta de alguns jogadores, a Seleção Brasileira venceu a Arábia Saudita por 2 a 0 nesta sexta-feira (12). No Estádio King Saud University, em Riad, capital saudita, Gabriel Jesus e Alex Sandro marcaram os gols do triunfo brasileiro contra os donos da casa.

O Brasil encara a Argentina, na próxima terça-feira (16), também a partir das 15h (de Brasília). O clássico será no Estádio The King Abdullah Sports City, em Jidá.

O jogo

O Brasil criou boas oportunidades na etapa inicial, mas demorou para encontrar o caminho do gol. A Seleção assustou pela primeira vez aos nove minutos com Neymar. O camisa 10 fez bela jogada pelo meio e chutou forte, a bola desviou e foi para fora.

Aos 11, o capitão da Canarinho aproveitou uma sobra dentro da área, mas parou na defesa adversária. Na única chegada da Arábia Saudita, Marquinhos apareceu para salvar o Brasil, aos 16 minutos.

Na marca dos 25, nova chance brasileira. Neymar cobrou falta na área e Gabriel Jesus cabeceou com perigo, mas parou no goleiro saudita.

Já aos 43 minutos, a dupla voltou a funcionar. Neymar, novamente pelo meio, achou o camisa 9, que invadiu a área e mandou para o fundo da rede: 1 a 0.

A Seleção voltou do intervalo já com uma mudança no time: Fred saiu para a entrada de Lucas Moura, que logo aos seis minutos quase ampliou para a Canarinho. O camisa 21 recebeu dentro da área, mas bateu em cima do goleiro.

Três minutos depois, Neymar arriscou da intermediária e carimbou a trave. Com vantagem no placar, novas alterações: Walace, Arthur e Richarlison substituíram Casemiro, Philippe Coutinho e Gabriel Jesus.

Aos 39, o Brasil ficou com um jogador a mais após a expulsão do goleiro da Arábia Saudita. No último lance da partida, Alex Sandro, de cabeça, fez o segundo gol da Canarinho dando números finais a partida: 2 a 0.

Brasil: Ederson, Fabinho, Marquinhos, Pablo, Alex Sandro; Casemiro (Walace), Fred (Lucas Moura), Renato Augusto, Philippe Coutinho (Arthur), Neymar; Gabriel Jesus (Richarlison).

Gabriel Jesus voltou a marcar no seu retorno à seleção. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

* Via Assessoria CBF.

Notícias Relacionadas