Com meio time de desfalques, Inter-SM parte para “decisão” contra o Real

Chegou a hora do valorizado grupo do Inter-SM entrar em ação. Às 15h deste sábado (13/10), em Tramandaí, quando pisar no gramado para enfrentar o Real Sport Club, o time alvirrubro do técnico Guilherme Tocchetto terá a ausência de seis titulares para mais um confronto direto para a classificação e futuro do clube na Copa Wianey Carlet. Momento para aqueles que até então não ganharam tantas oportunidades mostrarem serviço logo na reta decisiva da primeira fase.

– Os desfalques com certeza vão ser sentidos pela equipe, são jogadores essenciais dentro da nossa ideia de jogo. Mas desde o início das atividades trabalhamos com todos os atletas da mesma maneira para que todos se capacitassem e quando a oportunidade aparecesse eles estivessem mais preparados possíveis. É uma decisão então a oportunidade é maior. Confiamos no grupo como um todo e esperamos não sentir tanto essas ausências dentro de campo. – ressalta o técnico Guile.

No departamento médico, que já contava com o volante Josué e com os atacantes Pablo e Alex Junio, o último a ingressar foi o volante Jonathan Cabeça. Com dores no púbis o atleta foi vetado para o duelo no litoral norte gaúcho. Somam-se a eles as baixas por suspensão do zagueiro Manolo e do lateral esquerdo Paulo Henrique Borges.

Como na manhã desta sexta-feira (12/10), no último trabalho antes da partida pela décima segunda rodada do Grupo B, os jogadores participaram apenas de um treino recreativo, o técnico Guile só irá confirmar os substitutos da longa lista de desfalques momentos antes do apito inicial.

Por outro lado quem já foi confirmado pelo treinador é o meio-campo Chiquinho, que foi preservado de boa parte dos trabalhos ao longo da semana para ter condições de entrar em campo neste sábado.

– A sobrecarga dos trabalhos desde o início do ano começa a aparecer um pouco mais agora nesta reta final de segundo semestre. O Chico já é um jogador de mais idade e dentro das nossas avaliações achamos mais prudente resguardar ele durante a semana para que ele pudesse se recuperar bem. Viemos de três jogos desgastantes e achamos melhor dar essa recuperada nele fisicamente para estar sábado em sua plenitude e nos ajudando como tem feito. – acrescenta o treinador do Inter-SM.

Inter-SM vai atrás da vitória para se aproximar da classificação para a próxima fase. (Foto: Bruno Tech/EsporteSUL)

Confronto com ares de decisão

A partida deste sábado será mais um confronto direito na briga pela classificação à próxima fase da Copinha. Faltando apenas mais três rodadas para o fim da primeira fase as duas equipes contabilizam o mesmo número de pontos (10), mas com a equipe de Capão da Canoa com um jogo a menos e ocupando a quarta colocação. Já o Inter-SM vem logo abaixo, em quinto.

– O jogo pode ser um divisor de águas. Vai ser muito importante já que é mais um adversário direto. Estudamos o Real essa semana, já enfrentamos eles na primeira fase e estamos bem preparados para ir lá, fazer  uma verdadeira decisão e trazer os três pontos. – comenta o zagueiro Dionatan.

A delegação alvirrubra embarca para Tramandaí no início da noite deste sábado.

Notícias Relacionadas