Em Santa Catarina, Soldiers tenta chegar mais uma vez na final da Conferência Sul da BFA 2018

Três semanas depois de vencer o Juventude pelo placar de 44 a 0, os únicos representantes do Rio Grande do Sul nos playoffs da Conferência Sul da BFA 2018 decidem na tarde deste sábado (03/11) uma vaga na final desta que é reconhecida como uma das mais equilibradas e qualificadas entre as quatro conferências da mais importante competição do futebol americano brasileiro.

Com o pensamento em repetir o feito na temporada passada, quando disputou a final da Conferência em sua estreia na elite nacional e ficou com o vice ao ser superado pelo Coritiba Crocodiles, os atuais tricampeões estaduais terão pela frente uma tarefa dura: passar pelos invictos Timbó Rex, dentro de sua casa, no primeiro encontro envolvendo dois dos maiores do Sul do país em terras catarinenses.

Detentoras de oito títulos estaduais, Soldiers e T-Rex se reencontram a partir das 14:30h deste sábado no Complexo Esportivo de Timbó em um duelo que aponta o favoritismo para os donos da casa. Únicos a vencer seus seis jogos na fase regular, retrospecto que garantiu o título simbólico da Conferência que conta com as sete equipes que representam os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, o time que tem como head coach Breno Takahashi terá a seu favor o mando de campo para o confronto contra o quarto colocado na fase regular, que chega à fase eliminatória com três vitórias e três derrotas.

Soldiers e T-Rex já mediram forças duas vezes em Santa Maria e agora se enfrentam em Timbó. Foto: Diogo Viedo/EsporteSUL

– Fizemos bons jogos, aprendemos com os nossos erros, agora é focar em não deixar eles se repetirem. Playoffs é diferente, todos já conhecem as principais armas dos adversários e justamente por isso sempre trazem jogadas novas. O placar começa 0 a 0 e que vença quem jogar melhor. O Rex é um time que se impõe, com uma OL muito boa e uma responsabilidade tática defensiva de igual qualidade. Precisamos iniciar bem o jogo e não repetir os erros do segundo tempo que tivemos no primeiro confronto com eles esse ano. – destacou Gustavo Peter, head coach do time de Santa Maria, em entrevista ao site especializado Salão Oval.

– Com certeza, sempre digo que contra time grande erros custam vitórias. Considerando o Rex um dos grandes do cenário nacional, precisamos focar totalmente na execução do nosso plano de jogo com precisão. A consistência é essencial dentro do futebol americano, não podemos depender de jogadas mirabolantes e nem jogar abaixo do nível. Vai ser um grande jogo de duas equipes que se respeitam muito. Acredito que aquele que errar menos e aproveitar mais as situações, ganhará o jogo. – projeta Douglas Rodrigues, quarterback do exército gaúcho.

Os dois times já se enfrentaram duas vezes, ambas pela fase regular da BFA e no Estádio Presidente Vargas, em Santa Maria, com supremacia do time do norte de Santa Catarina.

No primeiro encontro, vitória catarinense por 14 a 13 em duelo de invictos na temporada passada, em uma das mais disputadas e inesquecíveis partidas já realizadas na Baixada, em setembro de 2017.

Já na temporada atual, novo triunfo dos visitantes, desta vez por 24 a 14, em duelo realizado em agosto, válido pela terceira rodada da competição.

Veja a campanha do Soldiers na BFA 2018:
21/07 (Santa Maria) – Santa Maria Soldiers 49×14 São José Istepôs
04/08 (Curitiba) – Paraná HP 27×20 Santa Maria Soldiers
18/08 (Santa Maria) – Santa Maria Soldiers 14×24 Timbó Rex
01/09 (Santa Maria) – Santa Maria 03×00 Jaraguá Breakers
15/09 (Curitiba) Coritiba Crocodiles 15×07 Santa Maria
13/10 (Caxias do Sul) – Juventude FA 00×44 Santa Maria

Notícias Relacionadas