AGT é reconhecida como de utilidade pública pela Câmara de Vereadores

AGT é reconhecida como de utilidade pública pela Câmara de Vereadores – EsporteSUL

Para continuar lendo, identifique-se com nome e email.

A última terça-feira, dia 14 de maio, foi histórica para a Associação Guerreiros Thai (AGT). E bem longe dos ringues. Há quase dez anos revelando talentos no muay thai, a equipe recebeu oficialmente o título de Utilidade Pública Municipal ao ter o Projeto de Lei Ordinária 8874 de autoria do vereador Luciano Guerra aprovado pela Câmara de Vereadores de Santa Maria.

Assim, a equipe pioneira da arte marcial tailandesa no Coração do Rio Grande e referência em todo o Brasil garante benefícios como isenções de impostos e habilitação para conseguir recursos públicos.

- Hoje (14 de maio) a AGT deu mais um grande passo. Somos oficialmente Utilidade Pública de Santa Maria. Agora podemos ajudar ainda mais nossos alunos e atletas, principalmente o muay thai de Santa Maria. - manifestou Carlos Roberto Garda, o grande líder e responsável pela AGT.

Criada oficialmente em 2009, a AGT foi responsável por revelar e guiar os principais nomes do muay thai santa-mariense, como Bruno Guimarães, Barbará Marques, Iolanda Garcia, Flávio Pinheiro, Priscila Araújo, Matheus Rocha, Adrian Farias, Dani Vargas e Eduardo Sturm, sendo boa parte deles oriundos do Projeto Social Guerreiros em Busca da Liberdade, que utiliza o muay thai como ferramenta de inclusão social na formação de crianças e adolescentes

Atualmente a equipe que tem seus centros de treinamentos nos bairros Urlândia e Itararé conta com cerca de vinte cinco atletas em seu time de competições. Vale lembrar que a AGT também é responsável pelo Combat Guerreiros Thai, um dos maiores eventos de lutas de todo interior do estado e que chegará em 2019 em sua nona edição.

Parte da equipe da AGT na oitava edição do Combat Guerreiros Thai. (Foto: Bruno Tech/EsporteSUL)