CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter

Santa Maria de volta ao Mundial de Jiu-Jitsu da CBJJE

Faixas marrom Thiago Saldanha e Victor Ieiri vão atrás de novas conquistas para a arte suave santa-mariense

(Foto: OSSB Eventos)

É atrás de novas conquistas em uma das competições mais prestigiados e renomadas de todo o país que a arte suave de Santa Maria entra em cena no Complexo Esportivo Ibirapuera, em São Paulo, mais uma vez palco do Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu Esportivo homologado pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu Esportivo (CBJJE).

Nesta sexta-feira (26/07), dia dedicado aos combates entre faixas marrom, estarão entre as baias e principais nomes do jiu-jitsu nacional o santa-mariense Thiago Saldanha, ex-Thork JJ e desde 2017 defendendo a paulista Ryan Gracie, e o mineiro radicado no Coração do Rio Grande Victor Ieiri, da Mesquita Bros.

Thiago Saldanha entra em ação na categoria Adulto/Meio Pesado, enquanto Victor Ieiri na Adulto/Pluma. Em ambas categorias os dois atletas terão mais dez concorrentes na briga pelo título mundial.

- É o segundo Mundial da CBJJE que luto. Ano passado fiquei em segundo lugar por um descuido, mas faz parte. Nesse esporte não dá pra errar nunca. Amanhã (sexta-feira) voltamos a fazer o que mais gostamos, que é lutar. - comenta Thiago Saldanha.

- Vai ser a primeira vez que vou lutar o Mundial da CBJJE. O último campeonato dessa federação que eu lutei foi o Sul-Americano, em Buenos Aires, há mais de cinco anos e naquela ocasião consegui me consagrar campeão. Espero repetir esse resultado e continuar dando continuidade nesse trabalho que venho fazendo esse ano, com a média de uma competição profissional por mês. Conquistar o pódio, de preferência o lugar mais alto dele, vai me ajudar a dar visibilidade e confiança para o objetivo maior que é o Mundial da UAEJJF, em Abu Dhabi, em 2020. - diz Victor Ieiri.

s2Member®