Combat Guerreiros Thai chega a sua nona edição consolidado como um dos maiores do Brasil

Saiba mais sobre os primeiros quatro confrontos do card principal do Combat Professional Champions que promete fazer tremer o Centro Desportivo Municipal (CDM) no próximo sábado (10/08)

(Foto: Bruno Tech/EsporteSUL)

Santa Maria voltará ser o centro das atenções do muay thai gaúcho e do Brasil neste próximo sábado, dia 10.

Mais tradicional encontro de artes marciais do estado, que desde seu nascimento têm se mostrado bem estruturado e confirmando seu crescimento a cada novo capítulo, o Combat Guerreiros Thai chega a sua nona edição intitulada de Combat Professional Champions já aclamado pelos amantes das artes marciais e pela elite da modalidade, se encontrando hoje como um dos eventos mais importantes e respeitados de muay thai de todo o país.

Desta vez serão mais de quarenta lutas confirmadas e três disputas de cinturão entre o card preliminar e o card principal no ringue oficial montado no Centro Desportivo Municpal (CDM), o que confirma o IX Combat que tem não só como maior da sua história como um dos maiores já realizados em solo gaúcho.

Junto com os principais nomes de Santa Maria no mauy thai calçam as luvas neste sábado lutadores de mais dezessete cidades, incluindo representantes de Santa Catarina e São Paulo, e garante um card recheado de grandes confrontos e ainda mais visibilidade para a arte marcial tailandesa.

- O Combat chegando em sua nona edição já se consagra como um dos maiores eventos do Brasil, pela estrutura, por tudo que oferece aos atletas, treinadores, com bolsas acima da média. Nossa estrutura não perde para nenhum evento. Poucos eventos no Brasil dão estádia, hotel, todo conforto possível aos atletas. Por isso já somos considerados e já estamos entre os melhores eventos do Brasil. - comemora Carlos Roberto Garda, grande referência local no muay thai, responsável pelo Combat e também pela Associação Guerreiros Thai (AGT).

E restando poucos dias para essas lutas épicas e que prometem tremer a Casa dos Esportes chegou a hora de conhecer mais sobre os atletas que integram o card principal do IX Combat, formado todo por lutas profissionais, motivo que lhe rendeu a alcunha de Combat Professional Champions, e mais um evento com aporte do Proesp (Programa Municipal de Apoio e Promoção do Esporte).

Confira abaixo sobre os quatro primeiros duelos do IX Combat Guerreiros Thai - Combat Professional Champions:

1. Luan Guasso (Garra Team - Santiago) x Zeka "Babalu" (Greco FT - Canoas) - 57kg

Como não poderia ser diferente o duelo de abertura do card principal já promete tirar o fôlego entre duas das escolas mais respeitas e tradicionais do estado. Na categoria até 57kg sobem no ringue Luan Guasso, da Garra Team, de Santiago, e Zeka "Babalu", da Greco Fight, de Canoas.

Um dos responsáveis por ministrar os treinos na santiaguense Garra Team, Luan Guasso, de 25 anos e natural de Caxias do Sul, ostenta um currículo valioso no mundo das lutas com títulos e vitórias no taekwondo, boxe e MMA, além é claro do muay thai, modalidade em que pratica há nove anos.

São mais de trinta lutas na arte marcial tailandesa, sendo tricampeão do Santiago Fight, campeão gaúcho, campeão brasileiro e também vice-campeão mundial no início de 2019. Vale lembrar também que Luan contabiliza duas participações no Combat Guerreiros Thai, com um empate e uma vitória no histórico.

- Minha preparação vem sendo forte desde o dia que professor Carlos (Carlos Garda) conseguiu fechar essa luta pra mim. Um treinamento diário, me restringindo de muitas coisas para poder me dedicar ao trenamento, com uma dieta muito regrada e muito treino. Não conheço meu adversário, mas é um cara novo, que vem se destacando no muay thai gaúcho e estou indo preparado para tudo. Para não ter surpresas na luta, independente da tática dele, vou estar pronto para anular o jogo dele e impor o meu. Sempre buscando o nocaute e pronto pra lutar os cinco rounds se necessário. - declara Luan Guasso.

No corner oposto, como bem destacou Luan, estará Zeka "Babalu", canoense de 27 anos, e que mesmo com pouco mais de dois anos no mauy thai já elevou seu nome ao patamar dos grandes do estado.

Representando as cores da Greco Fight, "Babalu" tem em sua galeria de conquistas títulos do Canoas Boxing Stadium (CBS), The Contenders, Campeonato Gaúcho, Klin Team e também na Copa do Brasil, onde apenas em doze lutas já confirmou seu talento nos ringues. Até agora são sete vitórias, quatro derrotas e um empate na conta de Zeka "Babalu".

- Minha preparação está sendo bem intensa, muito forte mesmo. Estamos indo para o Combat para realmente fazer um show. Estou treinando todos os dias e finais de semana com meu treinador Paulo Souza. Minha expectativa é de um duelo muito duro do início ao fim. Será guerra e se tiver a oportunidade de nocaute eu vou nocautear. Se for guerra do início ao fim seja de clinch, de mão e luta solta. Estou preparado para essa guerra. - sentencia Zeka "Babalu".

2. Amilton Coelho (Raja Fight Club - Frederico Westphalen) x Lucas Pena (Rasthai - Porto Alegre) - 71kg

Se depender dos números o equilíbrio será uma das marcas do segundo embate do card profissional do IX Combat. Amilton Coelho, da Raja Fight Club, de Frederico Westphalen, e Lucas Pena, da Rasthai, de Porto Alegre, chegam a Santa Maria com carteis semelhantes assim como suas histórias na arte marcial.

Natural de Erval Seco, Amilton Coelho, de 22 anos, encara o seu segundo Combat Guerreiros Thai consecutivo credenciado com sete vitórias em oito lutas em três anos de duelos oficiais na modalidade. Entre as honrarias estão títulos no Campeonato Gaúcho, Attack Fight, Canoas Boxing Stadium, Copa dos Campeões e claro, no VIII Combat, quando garantiu a vitória por nocaute para a temida Raja Fight Club.

- A nossa academia não acredita em sorte, treinamos para vence sempre. Não vamos para perder nunca. Damos o nosso melhor sempre, não importa contra quem. Claro respeitamos muito nossos adversários, são seres humanos e só de estarem dividindo o ringue com a gente já temos muito respeito por eles. Estou bem, com a cabeça boa e treinei muito. Vamos com tudo. - menciona Amilton Coelho.

Já Lucas Pena, porto-alegrense de 28 anos e um dos nomes do time de competições da Rasthai, acumula nove lutas no muay thai. São quase nove anos dedicado a arte, mas os dois últimos deles sem combates oficiais. O que não diminuí o potencial do lutador que já teve o braço erguido entre alguns dos principais eventos do estado, como Attack Figth e The Contenders, e totaliza seis vitórias e três revezes no cartel.

- Estou me preparando forte desde que fiquei sabendo da luta. Sou muito grato a oportunidade de poder lutar nesse grande evento que o Combat, da AGT. Dei uma estudada no meu adversário, máximo respeito a ele e a equipe dele, mas estou pronto pra lutar os cinco rounds se for preciso. - comenta Lucas Pena.

3. Adam Ferreira (Legacy - Santa Maria) x Iuri Meireles (Carvalho Team - Ivoti) - 57kg

Um encontro com os últimos dois campeões estaduais. Assim pode ser resumida a batalha a ser travada na categoria 57kg pelo santa-mariense Adam Ferreira, da Legacy, e pelo bageense Iuri Meireles, da Carvalho Team, de Ivoti, respectivamente campeões gaúchos em 2019 e 2018.

Terceira luta do card principal do Combat Professional Champions, o confronto já era para ter ocorrido na decisão do GP do Gaúcho de 2019, mas apenas Adam avançou para a final na ocasião por conta de Iuri não apresentar condições para o duelo devido ao desgaste das lutas anteriores. Mas, muito além disto, as histórias dos dois lutadores no ringue só aumentam a expectativa para o encontro.

Quando pisar no ringue montado no CDM neste sábado Adam, de 22 anos, estará completando a sua vigésima luta na carreira entre muay thai (quatro), MMA (duas), boxe (sete) e kickboxing (seis). Responsável pela Legacy, o atleta vai também se tornando um especialista no Combat Guerreiros Thai, indo para a sua quarta participação nos últimos três anos e atrás da sua terceira vitória no evento.

- Vai ser uma honra fazer minha luta de número vinte no Combat. Minha preparação está sendo bem diferente das demais, como agora lidero a equipe Legacy, não consigo treinar muito, mas estou fazendo o possível para dar um show. Somos uma equipe nova, mas queremos mostrar um grande diferencial. Estou bem feliz em poder lutar com o Iuri, um atleta de alto nível, onde eu ganhando ou perdendo vai agregar muito para o meu muay thai e minha equipe. Vai ser uma guerra, tenho certeza disto, vai ser uma baita luta. Vamos dar show. - projeto Adam Ferreira.

E tal respeito de Adam pelo oponente se justifica. Com 25 anos Iuri Moreles apresenta um invejável 91% de aproveitamento em seu retrospecto no thai. Em vinte e três apresentações Iuri saiu com a vitória em vinte e uma delas. Já como destaque em sua estante de troféus estão dois títulos do Campeonato Gaúcho, 2017 e 2018), conquistados em apenas quatro anos na arte marcial tailandesa.

4. Adrian "Buakaw" (AGT - Santa Maria) x João Victor (JR Pride/TNT União - Gravataí) - 54 kg

Dando sequência ao card principal está um duelo de dois lutadores que apesar da pouco idade também já figuram entre o topo da modalidade estadual. Adrian "Buakaw", da anfitriã AGT, e João Victor, da JR Pride/TNT União, de Gravataí, se enfrentam na quarta luta profissional do IX Combat pela categoria 54kg.

Mais um nome revelado pelo projeto social da AGT, Guerreiros em Busca da Liberdade, Adrian "Buakaw", de 18 anos, contabiliza três anos na arte marcial tailandesa, estreando em combates oficiais logo aos 16 anos. De lá para cá foram sete lutas, sendo três delas diante a sua torcida no Combat Guerreiros Thai, com uma biografia de quatro vitórias e três derrotas.

- Estou treinando forte porque vou dar um show. Quero que seja um lutão. - diz Adrian "Buakaw".

Assim como "Buakaw", João Victor, de 17 anos, teve um início prematuro nas artes marciais em um projeto social, quando aos doze anos já treinava karatê. Mais tarde conheceu o muay thai e não deixou mais a modalidade. Com o escudo da JR Pride são oito lutas, sendo quatro derrotas e quatro vitórias, sendo uma por nocaute.

- Minha preparação é simplesmente treinar o máximo que consigo. Treino para um campeonato amador do mesmo jeito que um profissional. Amo lutar e isso está em mim. Faria meu melhor mesmo que nem competisse. Ainda não cheguei aonde eu queria, mas hoje piso aonde nunca estive. - afirma João Victor.

Pesagem oficial: 09/08 - 19h - Equilibrium Fitness

Ingressos:

Antecipados
VIP R$ 30,00
Arquibancada R$ 20,00

No dia:
VIP R$ 35,00
Arquibancada R$ 25,00

 

CARD PRELIMINAR

(Início: 10h)

1. Mell Meirelles (AGT - SM) vs Luyla Alves (Evolution Muaythai - São Francisco de Assis) 41 kg

2. Ravi Garcia (AGT - SM) vs Erick Atacante (Greco FT - Canoas) 30 kg

3. Aron Schott (Legacy, SM) vs Erick Aranha (Motora Team -Novo Hamburgo) 78 kg 15 anos

4 . Erick Pereira (AGT - SM) vs Fabrício Vieira (Motora Team - Novo Hamburgo) 32 kg 10 anos

5. Diego Resis (AGT - SM) vs Diogo Nunes (Templo Thai - São Gabriel) 54 kg

6. Kaune Machado (AGT - SM) vs Isadora Manuela (Carvalho Team - Ivoti ) 48kg

7.Raine Machado (AGT - SM) vs Fernanda Santos (Motora Team - Novo Hamburgo ) 54 kg 14 anos

8. Guilherme Martins (Thai Max sm) vs Charles Soares (Cleiton Mota - São Pedro do Sul)71 kg

9. Luana Cortes (Evolution Muaythai - São Francisco de Assis) vs Thayse Coelho  (Carvalho Team - Ivoti) 57 kg 17 anos

10. Thais Gomes (AGT - SM) vs Kauane Machado (AGT - SM) 48 kg

11. Micael Kopp ( Matione Muaythai - Panambi ) vs Italo Matos ( Thai Max SM) 63 kg menor

12. Graciei Fernandes ( Carvalho Team - Ivoti) vs Tainara da Rosa ( Motora Team ( Novo Hamburgo) 65 kg

13. Denis Soares (Thai Max - SM) vs Jackson Santos (Carvalho Team, Ivoti) 69 kg

14. Ryan Farias (AGT - SM) vs José (Thai Max, SM) 50kg 15

15. Paulo Motta (Carvalho Team - Ivoti) vs Eberson Soares (Cleiton Mota, São Pedro) 72 kg

16. Josecler Vieira (Carvalho Team - Ivoti) vs Beatriz Silva (Motora Team ( Novo Hamburgo) 75 kg

17. Geovane dos Santos (Carvalho Team - Ivoti) vs Peterson Pitbull (Cleiton Mota - São Pedro do Sul) 73 kg

18. Ezequiel Duarte ( Carvalho Team - Ivoti )vs Gabriel Soares (AGT - SM) 68 kg

19. Raissa dos Santos ( Thork - SM) vs Raiana Drumond (Legacy - SM) 57 kg

20. Bruna da Silva (Thork - SM) vs Andressa Souza (AGT - SM) 60 kg

21. Sérgio Vieira ( Motora Team, Novo Hamburgo) vs Cleber Bitencourt ( AGT - SM) 52 kg

22. Luan Mendonça ( Thai Max SM ) vs Clóvis Andrade ( Carvalho Team, Ivoti) 78 kg

23. Franklin Silva ( Clube da Luta Gurilas, SM) vs .Diego Fermino (Greco FT, Canoas) 68 kg

24. Diogo Dias (Clube da luta Gurilas) vs Cláudio Pitbull (Carvalho Team, São Leopoldo) 67 kg

25. Sérgio Catarina ( AGT SM) vs Erick Aranha (Motora Team - Novo Hamburgo) 76 kg

26. Idarlei Gomes ( AGT SM) vs Eduardo Beuter ( Matione Muaythai - Panambi) 75 kg

27. Bruno Serra ( Clube da Luta Golias) vs Renato Dalsim ( Carvalho Team - São Leopoldo)82 kg

28. Douglas Primo ( Carvalho Team - São Leopoldo) vs Jéferson Roberto ( Carvalho Team - Ivoti) 80 kg

29. Émerson da Costa (Zeca Fight -Tenente Portela) vs Tarkan Kubo ( Carvalho Team - Ivoti) 70 kg

30. Jonathan Fontini (DM Skull - Itapiranga SC) vs Lucas Rother (Carvalho Team - Ivoti) 64 kg

31. Isaque Secretário (Carvalho Team - São Leopoldo) vs Gabriel Kraus (Motora Team - Novo Hamburgo) 45 kg

32. Danilo Mena (Muaythai Combat - Pelotas) vs Henry Soares (Motora Team - Novo Hamburgo) 53 kg 12 anos

33. Matheus Bril (Carvalho Team - Ivoti) vs Daniel Quadros (Motora Team - Novo Hamburgo) 92 kg.

34. Marcos Vinicius (Legacy - SM) vs Jocenilton Franck (Motora Team - Novo Hamburgo) 59 kg

35. Matheus Macial (Legacy-  SM) vs Fernando Borin (AGT - SM) 64 kg

36. Andressa Souza (AGT - SM) vs Bruna Ribas (Motora Team- Novo Hamburgo) 60 kg

CARD PRINCIPAL (PROFISSIONAL)

(Início: 19h)

1. Luan Guasso (Garra Team - Santiago) vs Zeka "Babalu" (Greco FT - Canoas) 57kg

2. Amilton Coelho (Raja Fight Club - Frederico Westphalen) vs Lucas Pena (Rasthai - Porto Alegre) 71kg

3. Adam Ferreira (Legacy - SM ) vs Iuri Meireles ( Carvalho Team - Ivoti) 57kg

4. Adrian "Buakaw" (AGT - SM) vs João Victor (JR Pride/TNT União - Gravataí ) 54kg

5. Evandro Szakura (Raja Fight Club - Frederico Westphalen) vs Miguel Sganzerla (BFT - Farroupilha) 67kg (DISPUTA DE CINTURÃO)

6. Flávio Pinheiro (AGT -  SM) vs Douglas Mena (Muaythai Combat - Pelotas) 63.5 kg (DISPUTA DE CINTURÃO)

7. Daniela Vargas (AGT - SM) vs Thaina Magrela (Monster Gold Team, Santo André, SP) 50kg (DISPUTA DE CINTURÃO)

Associação Guerreiros Thai – formando cidadãos e campeões

Fundada em 2010, a Associação Guerreiros Thai (AGT) é uma das principais equipes de muay thai do sul do país. Em pouco mais de oito anos, a AGT, idealizada pelo professor Carlos Garda, e que já soma conquistas importantes nos ringues, como o título brasileiro pela BMTA (Brazil Muay Thai Association), conquistado em 2013 pela jovem Barbara Marques, na cidade mineira de Matias Barbosa (MG), e dois sul-brasileiros, de Aimée Siqueira, e Inaê Mota, conquistados em 2014, em Esteio (RS), e mais recentemente revelou a dupla Priscila Araújo e Flávio Pinheiro, campeões gaúchos de muay thai em suas categorias (2016), e tem na jovem Daniela Vargas um de seus principais destaques atualmente.

Além das três sedes da AGT em Santa Maria (Vale Machado, bairro Itararé e bairro Urlândia), onde a Associação desenvolve projetos de inclusão social como o “Guerreiros em Busca da Liberdade”, a entidade conta com filiais em São Pedro do Sul e São Gabriel, onde cerca de 200 alunos praticam a arte nascida na Tailândia.

Desde o início de 2017, a AGT passou a contar com o apoio da administração municipal, que abriu as portas do Clube 21 de Abril, no bairro Itararé, para abrigar o projeto que já revelou atletas como Bárbara Marques, Bruno Guimarães, Netinho Paraná, Priscila Araújo, Adam Ferreira, Neimer Ávila, Matheus Rocha e Flávio Pinheiro, e do Proesp – Programa Municipal de Promoção e Apoio ao Esporte.

s2Member®

CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter