União Independente inicia disputa da fase eliminatória da Série Ouro

Equipe áureo-cerúlea inicia luta por um lugar nas quartas de final da competição às 20h deste sábado (31/08) contra o Real Street Futsal, em Não-Me-Toque

(Foto: Bruno Tech/EsporteSUL)

Depois de 119 dias e 144 partidas realizadas nos quatro cantos do Rio Grande do Sul a fase de grupos da Série Ouro de Futsal 2019 ficou para trás e agora tudo é mata-mata, a fase mais quente e emocionante de qualquer competição.

A partir deste sábado (31/08) a bola começa a rolar pela segunda fase da elite gaúcha, para os primeiros quarenta minutos das oitavas de final, onde o União Independente Futsal/Construtora Jobim/Grupo Apollo busca seguir fazendo história para o futsal santa-mariense.

Classificado com a quarta melhor campanha do Grupo A ao somar 30 pontos (9 vitórias, 3 empates e 4 derrotas), a equipe do técnico Henrique Fortes tem pela frente o Real Street Futsal, quinto do Grupo B com 24 pontos (7 vitórias, 3 empates e 6 derrotas), com o primeiro encontro marcado para às 20h em Não-Me-Toque.

Uma fase em que mesmo com os números levemente superiores e da vantagem de fazer o jogo de volta diante da sua torcida em Santa Maria o União entra com atenções redobradas não só por enfrentar um adversário experiente, mas também pelas lições vividas no passado.

Nas duas únicas vezes que chegou a disputa de um mata-mata por uma competição estadual, ambas na Série Bronze, o União acabou eliminado pela ACF em 2017 e pela OMF em 2018, ambas em casa. Tristes lembranças, mas valiosas experiências adquiridas que fazem o áureo-cerúleo santa-mariense chegar ainda mais fortalecido para encarar o Real Street.

- Tivemos eliminações precoces em 2017 e 2018, aonde fazíamos grandes campanhas e chegamos no mata-mata e não conseguimos o êxito que era passar de fase. Este ano os jogadores estão bastante focados neste objetivo que é avançar uma fase a mais e outras na sequência. Agora é uma outra competição, um outro campeonato. O Henrique está focando bastante, estudando muito  o nosso adversário, tudo para conseguimos o êxito que é está tão sonhada vaga na terceira fase. Nossos jogadores estão mais calejados, mais experientes e não queremos sofrer este revés novamente. - diz o presidente do União, Claudemir Fernandes, o Maninho.

A grande notícia para o técnico Henrique Fortes foi a presença do ala Bruno Ribeiro no treino da última quinta-feira (29/08), no encerramento da preparação para o confronto. O jogador foi contratado em meio a Série Ouro e logo em sua estreia no clássico contra a UFSM acabou sofrendo uma lesão muscular que o afastou do restante da primeira fase. Totalmente recuperado Bruno Ribeiro viaja com a delegação, que com as voltas do goleiro Edinho, do fixo Giovani e do ala Fernandinho terá força máxima em quadra, algo raro até então nesta Série Ouro.

- Agora é um campeonato que não se pode mais jogar, tem ganhar. Pegamos um adversário experiente, vamos precisar saber levar o jogo, sofrer em alguns momentos pra sair de Não-Me-Toque com um resultado positivo. Tivemos muitos jogos complicados nessa temporada, jogos que vencemos por 2 a 1, sofremos a partida e soubemos vencer. Isso foi importante para o amadurecimento da equipe e nesta fase teremos jogos assim. Vamos sofrer, mas precisamos nos manter focados no nosso objetivo. Vejo que a equipe está em evolução, amadurecendo, conhecemos um pouco do adversário pelo que estudamos sobre eles, então algumas coisas podemos prever. Será um jogo de transição, muita dividida, jogo vivo o tempo todo. Mas tenho certeza que vamos ter bons resultados neste ano. - completa o fixo e capitão Roger.

s2Member®

CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter