Após revisão de luta, organização do X Combat confirma vitória de Bruno “Pudim” sobre Flavio Pinheiro

Resultado inicial na disputa de cinturão até 63,5kg foi contestado pela equipe paulista Centro de Treinamento Cobra (CTC)

(Foto: Bruno Tech/EsporteSUL)

A edição de número dez Combat Guerreiros Thai, que fez tremer o Centro Desportivo Municipal (CDM) ao longo de todo o último sábado com um card preliminar e principal com mais de cinquenta lutas, teve mais um capítulo neste domingo (08/12), desta vez fora dos ringues.

Após perder por decisão unânime a disputa do cinturão até 63,5kg para o atleta de Santa Maria Flavio Pinheiro, na luta que fechou o card profissional do X Combat, o time do paulista Bruno "Pudim", o Centro de Treinamento Cobra (CTC), entrou em contato com a Associação Guerreiros Thai (AGT), responsável pela organização, e com o chefe de arbitragem Paulo Souza pedindo a revisão do resultado do combate.

Em nota oficial divulgada neste domingo, o departamento de arbitragem confirmou que reviu a luta e optou por reverter o resultado inicial, dando a vitória e o cinturão para Bruno "Pudim".

Assim, a AGT, equipe anfitriã, fica agora com dois cinturões dos três colocados em jogo no último sábado. Geoavana Diamond venceu Luana Cortese, da Evolution Muaythai, de São Francisco de Assis, e Daniela Vargas superou a paulista Ana Perreco, da CT Rose Amorim, de Guarujá (SP).

s2Member®

CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter