Geovana Diamond, da AGT, viaja até São Paulo para o Desafio Jab Direto

Luta deste sábado (07/11) na capital paulista marcará uma homenagem da AGT a Evandro Szakura, lutador que faleceu no mês de outubro

(Foto: Bruno Tech/EsporteSUL)

Equipe responsável por colocar Santa Maria no mapa estadual, brasileiro e até mundial do muay thai, contabilizando inclusive com alguns atletas passagens, experiências e lutas na Tailândia, berço da modalidade, a Associação Guerreiros Thai (AGT) vai subir ao ringue pela primeira vez na atual temporada marcada pela pandemia do Covid-19.

A estreia no ano ficará nas mãos da lutadora Geovana Diamond e já em um dos principais eventos e organizações do país. Neste sábado (07/11), em São Paulo, a atleta que é uma das primeiras crias do projeto social Guerreiros em Busca da Liberdade terá pela frente Bárbara Zompero, da CT Rose Amorim, em uma das lutas de muay thai profissional do tradicional Desafio Jab Direto.

A preparação de Geovana para o compromisso deste sábado contou com mais de trinta dias de treinos diários, incluindo trabalhos de condicionamento físico e treinos de thai, todos na Maxximus Pro, centro de treinamento multiesportivo que desde o mês de setembro também é a casa da AGT.

- Nossa menina tem pela frente Bárbara Zompero, atleta de Rose Amorim e isso já diz tudo, teremos uma luta muito dura pela frente. Mas estamos há 30 dias treinando seis horas diárias, estamos preparados pra brigar cinco rounds se for preciso. - comentou o técnico e responsável pela AGT, Carlos Garda.

Enquanto viajava para a luta que será a décima segunda da sua carreira, que até aqui registra sete vitórias e três derrotas, Geovana Diamond também projetou o combate:

- Treinamos bastante para está luta. Me sinto bem preparada e forte. Vamos brigar cinco rounds se for preciso. Estou pronta para representar Santa Maria e o Rio Grande do Sul em São Paulo.

E além de marcar a estreia no ano, a luta no Desafio Jab Direto também será de homenagens pela AGT. A equipe santa-mariense e Geovana irão representar também a Raja Fight Club, de Frederico Westphalen, escola na qual pertencia o lutador Evandro Szakura, vítima fatal de um acidente de trânsito ocorrido no mês de outubro. Szakura chegou a ser campeão gaúcho e brasileiro de muay thai, sendo detentor de dois cinturões do Combat Guerreiros Thai, o grande evento santa-mariense da arte marcial tailandesa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

s2Member®

CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter