Grêmio é superado pelo Palmeiras e fica com o vice da Copa do Brasil

Fora de casa, o Tricolor precisava superar o Palmeiras após ser desvantagem no primeiro jogo das finais

(Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

O Grêmio foi valente desde os primeiros minutos de jogo já buscando reverter o placar desfavorável de 1 a 0 da Arena do Grêmio, na semana anterior. Mesmo assim, não conseguiu o que precisava no Allianz Parque diante do Palmeiras. O time comandado pelo técnico Renato Portaluppi encerrou sua participação com o vice da Copa do Brasil após perder por 2 a 0, em São Paulo, na tarde deste domingo (7).

Logo no primeiro minuto de jogo, o Grêmio mostrou que iria em busca do ataque. Após boa jogada defensiva, Vanderson saiu com qualidade fazendo a ligação no meio. Diego Souza escorou para passe em profundidade e boa chegada de Pepê. Na tentativa de passe já dentro da área, a bola acabou saindo pela linha de fundo.

Aos 3 minutos de jogo, após bom cruzamento na área, Pepê entrou livre, sem marcação, mas não conseguiu chegar na bola cruzada que passou na frente do gol em mais uma boa tentativa do Tricolor.

A primeira oportunidade do time paulista foi aos 5 minutos, mas em passe que pretendia colocar Luiz Adriano dentro da área, a jogada foi evitada na boa presença de Kannemann, que se antecipou e livrou o Grêmio de qualquer perigo.

Em um lance bem duvidoso, aos 8 minutos, Maicon sofreu um empurrão no meio campo e acabou realizando um passe errado, ligando um avanço quase fatal por parte do Palmeiras. Rony entrou na frente de Paulo Victor, mas foi travado por Paulo Miranda que evitou o chute.

Em uma tentativa de chegar no ataque, aos 17 minutos, o volante Zé Rafael chegou com força sobre o zagueiro Kannemann e acabou levando o primeiro cartão amarelo da partida. Depois de breve atendimento, o defensor Tricolor conseguiu se levantar e seguir em campo.

A equipe do Palmeiras chegou a marcar aos 19 minutos, mas com lance irregular. Um lançamento foi feito para Rony, impedido, que tocou na área para conclusão de Raphael Veiga. O arbitro da partida assinalou e o VAR confirmou a posição adiantada do atleta palmeirense.

O Tricolor manteve um bom ritmo de jogo, mesmo com as investidas do adversário e chegou novamente no ataque com grande perigo. Maicon teve grande chance aos 23minutos dentro da área, mas o chute parou na zaga. O Grêmio recuperou a bola e Diego Souza aproveitou cruzamento para subir e cabecear nas mãos do goleiro Weverton.

Em mais uma tentativa pelo lado esquerdo aos 26 minutos, o Palmeiras se lançou com Wesley no ataque, mas Paulo Miranda cometeu falta e recebeu o cartão amarelo. Na cobrança de falta, direto para o gol, a zaga Tricolor conseguiu afastar o perigo. Três minutos depois, Kannemann acabou levando amarelo cometendo fata na intermediária ao parar o lance com o corpo.

As duas equipes se estudaram bastante com algumas chegadas menos intensas no campo de ataque. A equipe do Palmeiras explorou o lado esquerdo, local que acabou sendo mais produtivo para o time mandante. Alisson aproveitou alguns poucos espaços para buscar o cruzamento na área. Vanderson deu mais tranquilidade na saída de bola e contou com a ligação de Maicon no meio. Fim do primeiro tempo e placar em branco.

Na volta do segundo tempo, as duas equipes retornaram sem alterações. Logo no primeiro minuto, Pepê fez boa jogada pela esquerda e Thaciano chutou para defesa do goleiro palmeirense.

Com 7 minutos da etapa final, Wesley recebeu passe de Raphael Veiga e tocou no canto direito de Paulo Victor para fazer 1 a 0 Palmeiras.

Aos 13 minutos da etapa complementar, com o Grêmio precisando buscar o resultado, Renato Portaluppi colocou Ferreira no lugar de Pepê e Guilherme Azevedo substituiu Alisson.

Aos 23, mais uma alteração com a entrada de Jean Pyerre e saída de Thaciano. A equipe do Palmeiras aproveitou a vantagem e se fechou com duas linhas de quatro e todos os jogadores no campo de defesa.

Com uma boa chegada pelo lado esquerdo, Ferreira envolveu a marcação e tocou para o meio da área. Após a zaga não conseguir tirar, Jean Pyerre aproveitou e chutou, mas a bola rebateu no marcador e foi para escanteio. Na cobrança, o goleiro adversário fez defesa tranquila.

Renato realizou mais duas alterações aos 32 minutos buscando ampliar as opções de ataque do Tricolor. Diego Churin entrou para saída de Kannemann e Vitor Ferraz ingressou na vaga de Vanderson.

Aos 39 da etapa final, o Palmeiras ampliou com Gabriel Menino. O jogador do Palmeiras entrou na área e chutou para fazer o segundo gol.

Sem tempo para arriscar mais, o Grêmio viu as chances acabarem com o apito final. A equipe comandada por Renato Portaluppi encerra a participação na Copa do Brasil com o vice-campeonato.

Via Grêmio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

s2Member®

CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter