UFSM/Urbanes Empreendimentos estreia com derrota na Série Ouro 2021

Equipe santa-mariense estreou com derrota na Série Ouro. Foto: Divulgação

Equipe santa-mariense estreou com derrota na Série Ouro. Foto: Divulgação

Um jogo, dois tempos distintos. Assim dá para resumir a partida em que a Federal estreou na Série Ouro 2021. A equipe de Santa Maria fez um primeiro tempo de encher os olhos dos torcedores, que só puderam acompanhar a partida de casa, em transmissão pelo Facebook. Com domínio na posse de bola e uma forte marcação, a UFSM/Urbanes Empreendimentos foi criando chances e terminou o primeiro tempo com a vantagem de 3x1. Na segunda etapa, o qualificado time de Canoas buscou o empate e virou para 6x4, contando com a infelicidade da defesa do time da casa (que anotou dois gols contra).

Apesar da derrota, a avaliação foi positiva, porque a equipe soube enfrentar e esteve em vantagem contra uma das equipes mais fortes do campeonato. É o que avaliou o ala Bernardo: “Enfrentamos uma equipe qualificada, controlamos o jogo por um bom tempo e estivemos na frente, mas tivemos alguns erros que determinaram o placar. Vamos crescer muito durante a competição. Agora temos mais um jogo difícil, que irá mostrar o que queremos e o que podemos buscar na competição”. O técnico Gabriel Pranke também avaliou a atuação:

- Começamos muito bem, nosso volume de jogo envolveu eles bastante e conseguimos ficar à frente. Esperávamos suportar mais tempo a pressão no 2º tempo, mas falhamos em alguns momentos, talvez por falta de ritmo de jogo. Sabemos que enfrentamos uma equipe muito qualificada e isso nos coloca em condições de pensar grande na competição. Mas, para isso, precisamos corrigir o que fizemos de errado hoje.

Na próxima rodada, a Federal volta a jogar no CDM. A equipe irá enfrentar a BGF, de Bento Gonçalves, que estreou com uma vitória sobre o Brasil, de Pelotas, neste sábado.

O jogo

A UFSM começou a partida com boa posse de bola e controlando as ações. A primeira chance apareceu aos 4 min, quando Gê recebeu de De Agostini e acertou o pé da trave. Pouco depois, o próprio Gê, mesmo caído, brigou pela bola e conseguiu tocar para Bernardo, que chutou alto e abriu o placar. Aos 6 min, o time de Canoas teve a primeira chance em cobrança de falta. Thauan recebeu com espaço, mas concluiu sobre o defensor. Aos 8 min 12s, a Federal ampliou: após cobrança de lateral, Guinho acertou o ângulo: UFSM 2x0.

Carlson evitou o primeiro gol do time visitante aos 9 min, após cobrança de escanteio. Ele deu um leve desvio na bola, que ainda tocou no travessão na conclusão de Alec. Dois minutos depois, Thauan cobrou falta e descontou para o Canoas, após a bola desviar na defesa. Aos 12 min, Carlson saltou e desviou perigosa conclusão de Maicon. Aos 13 min 55s, Escobar tentou uma jogada de efeito, a marcação se atrapalhou e a bola sobrou para Rogério, que concluiu no canto: UFSM 3x1.

Nos minutos finais do primeiro tempo, a Federal ainda levou perigo em uma conclusão de Rogério, que Erick espalmou, e em uma roubada de bola de Gê, que ficou cara a cara com o goleiro, mas concluiu para fora. Enquanto isso, Tiziu criou outra chance para o time canoense em chute rasteiro, que o goleiro espalmou para escanteio.

Na segunda etapa, os visitantes vieram com tudo. E marcaram logo aos 50s, em outra falta cobrada por Thauan, que desviou na marcação (arbitragem assinalou gol contra). Aos 5 min 10s, a Federal marcou novamente e parecia retomar o controle das ações. O gol surgiu em uma cobrança de escanteio de João Farias, que achou Léo Rudek sozinho dentro da área. Aos 9 min, a UFSM quase ampliou quando Rogério recebeu de Léo Rudek e teve seu chute defendido por Erick. No rebote, Léo Rudek concluiu para fora.

Aos 11 min 19s, Tiziu recebeu na direita, puxou para o meio e concluiu no contrapé do goleiro, descontando para 4x3. Pouco depois, Carlson evitou o gol após contra-ataque puxado por Barth. Só que o empate não demorou para acontecer: a defesa afastou mal e Barth concluiu para o gol desguarnecido. E aos 13 min 11s, em chute cruzado, a bola tocou na marcação e entrou, colocando os canoenses na frente. Com o uso do goleiro linha, a UFSM teve a chance de empatar com Gê, que recebeu no meio da área. Ele girou e concluiu no canto, mas Erick fez grande defesa. Faltando 50s para o fim, Barth roubou a bola na quadra de ataque, fintou um marcador e chutou para o gol vazio para determinar o placar definitivo: UFSM/Urbanes Empreendimentos 4x6 Canoas.

Ficha técnica:

UFSM/Urbanes Empreendimentos – Carlson, De Agostini, Bernardo, Moisés Braga, Gê, Léo Leston, João Farias, Guinho, Pedro Guerra, Tito, Thales, Léo Rudek, Rogério e Escobar. T.: Gabriel Pranke.

Canoas – Erick, Alec, Gui, Tiziu, Barth, Vanderson, Eto, Dotti, Thauan, Hygor, Jean e Maicon. T.: Fabiano Ventura.

Gols: Bernardo (U – 5 min 21s do 1ºT), Guinho (U - 8 min 12s do 1ºT), Thauan (C - 11 min do 1ºT), Rogério (U - 13 min 55s do 1ºT), Bernardo contra (C – 50s do 2ºT), Léo Rudek (U - 5 min 10s do 2ºT), Tiziu (C - 11 min 19s do 2ºT), Barth (C - 12 min 51s do 2ºT), Moisés contra (C - 13 min 11s do 2ºT) e Barth (C - 19 min 10s do 2ºT).

Arbitragem: Diego de Menezes (árbitro principal), Rodrigo Bezerra (árbitro auxiliar), Liana Araújo (anotadora) e Daniel Brondani (cronometrista).

Cartões amarelos: Tito (U).

Local: CDM (Santa Maria-RS).

Jogos da rodada:

UFSM/Urbanes empreendimentos 4x6 Canoas

BGF 6x0 Brasil

Riograndense 2x5 União Independente

São José 2x2 Paulista

* Via Assessoria UFSM Futsal (Saul Pranke).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

s2Member®

CÓPIA PROIBIDA

CONTEÚDO PROTEGIDO PELA LEI DE DIREITOS AUTORAIS

EsporteSUL - O esporte daqui é aqui www.esportesul.comFacebookInstagramTwitter